Hoje acordei sabendo que teria que fazer algo por alguém, quem sabe ser o socorro, o ombro para acolher um pranto, uma oração ou apenas um abraço, tornar esses pequenos gestos um elo entre Deus e uma alma cansada. Então, comecei a observar e pensar: “Quem será que está precisando?” Inicialmente, comecei a observar as pessoas que eu convivo todos os dias, como a minha mãe e as pessoas que trabalham comigo, assim eu as olhava e pensava: “Será que é esse?”, “Não, não… Acho que é aquele, olha só como está desesperado”, “hum.. será que eu não estou louca?”… E por aí seguia, o que eu fiz foi apenas entregar para Maria.

Mas porque Maria? Como cheguei nessa abençoada decisão? Bom, se você ficou na dúvida vamos a alguns fatos: ela é mãe do nosso Salvador, nos intercede junto a Deus Pai, passa na frente dos nossos problemas abrindo caminhos, soube dizer sim a Deus sem questionar “o porquê”, sua bondade é perfeita, enfim, dúvida esclarecida… Entreguei inicialmente a minha vida a Ela, rezando uma oração simples e singela, a “Consagração a Nossa Senhora”, consagrei a minha vida a minha amada Mãe dizendo que tudo é dela. Depois disso fiz a mesma oração, só que antes declarei: – Amada Mãe do Céu, essa oração que faço é em nome do meu irmão necessitado de sua proteção, não sei seu nome, nem suas fraquezas, mas tu o conheces que através de minhas preces Tu possas chegar nesse coração tão necessitado de amor.

Eu sei que Ela me escuta, tenho certeza. A minha mãe aqui da terra (que Deus seja louvado pela vida dela), tem uma imagem da Nossa Senhora Aparecida na estante aqui de casa, e mantém sempre uma vela acessa para a santinha dela, e outro dia, quando estava colocando uma vela nova no castiçal ela me falou assim: – Isa sabe o que eu falei para a minha santinha hoje de novo? Que você é dela, que da mesma forma que ela me deu você de presente, eu estou te devolvendo, para que Ela te acompanhe sempre, te mantendo sempre segura.

Virgem do Silêncio, aquela que esteve aos pés da Cruz de Jesus, sentindo uma das maiores dores do mundo, estando ao lado do seu filho amado sendo crucificado por aqueles que diziam que o amavam, mesmo assim, Ela ainda nos ama. Assim como chorou lágrimas de Sangue por Jesus, Ela chora também quando vê seus filhos perdidos no mundo longe de suas asas, buscando consolo longe do colo de sua mãe, esquecendo dos conselhos de alguém que lhe quer bem verdadeiramente. Por isso amado Jovem, adulto ou criança, em vez de acordar e ligar o rádio ou o computador, cante a “Consagração a Nossa Senhora”, clame aos céus essa presença de paz e amor, tenho toda a certeza, até mesmo na correria do dia-a-dia, essa canção irá soar em seus ouvidos como uma brisa leve.

Depois de tudo isso, entendi o propósito de acordar com vontade de rezar por alguém, era Maria querendo que eu voltasse pra ela de novo, querendo que eu “me devolvesse” para seus braços, aos seus carinhos, e que junto comigo levasse um irmão, então eu levei e escolhi também levar você que está lendo meu texto agora, basta que tenha fé, as minhas orações chegam a Deus, tenho toda a certeza do mundo, pois quando rezo, já agradeço pela a graça alcançada, por isso não tenha medo, venha comigo ao colo de Maria e juntos chegaremos a glória do Pai.

Amado e amada confie seus segredos, medos, angustias, alegrias, tristezas, conflitos, amigos, familiares, estudos, tudo o que estiver em seu coração e mente, entregue a Nossa Senhora, pois ela abraça cada detalhe com muito carinho e amor.

 

CONFIE! E que a alegria do Senhor seja sua força!

 

Isabela Pessoa

G.O.J. Água Viva.

Pato Branco – PR.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s