PRIMEIRA LINGUAGEM DO AMOR: PALAVRAS DE AFIRMAÇÃO

te-amo1
  

Se a pessoa ama com a linguagem de palavras de afirmação, ela vai expressar seu amor com palavras, mas não apenas isso, como também vai sentir-se amada quando este amor lhe for direcionado com palavras de afirmação. Vamos entender um pouco mais desta linguagem?

Elogios verbais e palavras de apreciação são poderosos comunicadores do amor. São os melhores comunicados em forma de expressão direta e simples, como: “Você ficou muito bem nesta roupa”; “Você é inteligente”; “Ninguém faz pipoca melhor que você”.
Não é sugerido que use de bajulação para conseguir o que deseja de seu parceiro. O objetivo do amor não é obter o que se quer, mas fazer algo pelo bem-estar daquele a quem se ama. É verdade, porém, que ao recebermos palavras de elogio, de afirmação, tornamo-nos mais motivados a sermos recíprocos e a fazermos algo que nosso cônjuge deseje.
Além de elogios verbais, outra maneira de expressar palavras de afirmação é com palavras encorajadoras.
Como é importante, quando se passa pela fase em que nos sentimos pouco motivados ou nossa estima está despencando, não tendo força para realizar projetos pessoais, recebermos palavras encorajadoras.
Encorajamento requer empatia que nos leva a enxergar o mundo segundo a perspectiva de nosso parceiro. Devemos, em primeiro lugar, procurar saber o que é importante para ele.
Se desejarmos desenvolver um relacionamento precisamos saber quais são os desejos da pessoa amada, desejos estes que a motivam, que dão cor a sua vida. Se queremos amar um ao outro, precisamos saber como fazê-lo. Precisamos falar a sua linguagem de amor.
Usar palavras de acusação, num momento de erro, para uma pessoa que tem esta linguagem de amor vai senti-la com mais força, com mais sensibilidade. A melhor coisa que podemos fazer com os fracassos do passado é torná-los em simples história.
O perdão não é um sentimento, mas um compromisso. É a opção de se mostrar misericórdia e não de se jogar a ofensa no rosto do ofensor. Perdão é uma expressão de amor.
Cuidado com as Palavras: quando alguém faz um pedido a seu parceiro, afirma as habilidades dele. Faz entender que ele possui, ou pode fazer algo, que é significativo ou valioso para o outro. No entanto, quando dá ordens, torna-se um tirano. Seu parceiro não se sentirá afirmado, mas sim diminuído.
Está é sua linguagem? Conhece alguém que ame nesta linguagem? Ainda temos mais quatro linguagens para conhecer, qual será é a sua linguagem? O próximo texto será sobre qualidade de tempo, até lá esbanje palavras de afirmação.

Vagner de Lara (Sam)
kerubavag@hotmail.com

 

OBS: Qualquer dúvida mande um e-mail, recomendo também que leia o livro “As cinco linguagens do amor” de Gary Chapman.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s